Avançar para o conteúdo principal

AS DORES DE MARIA




Eis aqui a escrava do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra — (Lc 1,38).

Estas palavras revelam a plena entrega de Maria à vontade de Deus para o gozo ou para a dor, ou seja, para a glória ou para a ignomínia.
A sua resolução está decidida: servir a Jesus, ou dando-O à luz no presépio de Belém, ou assistindo à sua morte no monte Calvário. Maria, aceitando a dignidade de Mãe de Deus, associou-se a Jesus na grande obra da Redenção e ofereceu-se para a carregar com todas as consequências que tal dignidade lhe impunha.
Como mãe, partilhou a sorte do Filho, que foi também o sofrimento. Teve, por isso, a sua Paixão e o seu Calvário, e uniu as dores de Jesus às próprias dores.
A segunda fonte das dores de Maria foi o ter sido testemunha ocular da Paixão de seu Filho, sem poder prestar-Lhe o menor serviço que o aliviasse das suas penas. As revelações de alguns Santos dizem que, se Maria não assistiu corporalmente às várias cenas da Paixão do Salvador, como a da flagelação e a da coroação de espinhos, o que não é de todo improvável, assistiu, contudo, mentalmente, a cada passo doloroso, pois tinha conhecimento de tudo pelo que sabia das sagradas Escrituras, pelos íntimos colóquios com Jesus em Nazaré e pelas notícias que São João lhe levava do que ia sucedendo.
Santa Catarina de Génova sucumbiu desfalecida quando Deus lhe mostrou, um dia, o pecado em toda a sua fealdade.
Maria aguentou não uma, nem duas, mas sete espadas trespassando-lhe, ao mesmo tempo, todo o seu espírito.
Meditemos nas suas dores e aprendamos dela a ser fortes nos combates que nos declaram o mundo, o demónio e a carne.
Muito fracos seremos se, à primeira tentação, nos dermos por rendidos ao nosso inimigo.

Fazei, ó Mãe, fonte de amor, que eu sinta o espinho da dor, para contigo chorar.

"Uma espada DE DOR trespassará a tua alma."

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Oração Nossa Senhora do Desterro

Imprimir e dobrar.

ROSARIO DOS AFLITOS

NOSSA SANHORA MÃE DOS AFLITOS, NOSSO AUXILIO, NOSSO IMEDIATO CONSOLO.
«Terei compaixão dos filhos que rezarem este rosário nas horas aflitas. Darei o meu auxílio e o meu imediato consolo.»


COMO REZAR O ROSARIO DOS AFLITOS.

Em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amem.

Invocações ao Espírito Santo

Vinde Espírito Santo, Amor do Pai e do filho, visitai-me e enchei o meu coração com a vossa divina graça, fazei que a minha alma seja para sempre a vossa morada e o meu corpo vosso sagrado templo, ajudai-me a ser fiel á graça de Deus e inflamai-me no fogo do vosso amor, agora e sempre. Amem.

Oração do Credo

Creio em Deus Pai, Todo-poderoso, criador do Céu e da Terra; e em Jesus Cristo, seu único filho, nosso Senhor; que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu á mansão dos mortos; ressuscitou ao terceiro dia; subiu aos céus, está sentado á direita de Deus Pai Todo-Poderoso de onde há-de vir a…

Pai-nosso pequenino

Pai-nosso pequenino,
Quando Jesus era menino
Tinha as chaves do paraíso.
Quem lhas deu,
Quem lhas daria?
Foi a Virgem Santa Maria.
Cruz no monte,
Cruz na fonte,
Nunca o diabo nos encontre,
Nem de noite, nem de dia,
Nem ao pino do meio-dia.
Já os galos pretos cantam,
Já os Anjos se levantam,
Já o Senhor subiu à cruz.
Arcas Santas bem fechadas,
Viva o Corpo de Jesus.
Ámen.